FIEP Brasil

Notícias

Traduzir   Contraste   A+

Iniciação Esportiva: A fácil missão de ensinar Basquetebol

(Publicado em 13 de outubro de 2011)

Entende-se que o resultado positivo da iniciação depende acima de tudo do iniciador. Ela deve ser orientação segura, planejada sob os ditames de um método, aliada à capacidade do profissional.

Ao professor de Educação Física cabe a responsabilidade de aplicar seu método de acordo com algumas circunstâncias: instalações, tempo disponível, material didático da Educação Física, objetivos: gerais e específico, além, do material humano a ser trabalhado, sejam: estudantes ou iniciantes, em escolas ou escolinhas de formação desportivas que compreendem as idades de 10 a 12 anos.

A metodologia a ser empregada, isto é, os ditames atuais da pedagogia do esporte com relação às abordagens metodológicas de ensino, para iniciação das diferentes modalidades esportivas coletivas, podem produzir resultados negativos, se utilizados por mestres incapazes e relapsos, tendo desperdício de tempo, material e de valores. Agora, aquele educador que é emérito pode tirar muito proveito dos métodos atuais.

Cabe ao professor de Educação Física ensinar o esporte para os alunos, pois se sabe que o esporte quando se adapta às habilidades específicas de cada indivíduo, constitui fonte de saúde e equilíbrio. Leva o homem a atuar e participar num campo a margem de suas atividades diárias.

O indivíduo que pratica esporte desenvolve suas qualidades superiores de iniciativa, camaradagem, sangue frio e amor às responsabilidades. Oferece à pessoa oportunidade de conhecer-se, de expressar-se, de superar-se.

Além disso, permite disciplinar suas ações e seus movimentos, aumentando o rendimento. Liberta-o das limitações, tornando-o um elemento útil à sociedade, em suma, tornando indivíduo fisicamente ativo, levando-o a prevenir diversas doenças.

A iniciação das modalidades esportivas coletivas deve ser feita com critério, senso de responsabilidade e pleno conhecimento das potencialidades do educando para que se possam aproveitar integralmente suas qualidades inatas.

Caso o iniciante não possua potencialidades, cabe ao professor de Educação Física desenvolvê-las através de exercícios físicos orientados adequadamente, expandindo assim, o repertório motor, proporcionando-lhes maior cultura motora possível para receber os ensinamentos dos esportes coletivos, baseados na velocidade, agilidade, força e resistência, isso tudo, de acordo com a idade de cada iniciante.

A modalidade esportiva coletiva Basquetebol, é um esporte que não se aprende pela simples imitação. É um esporte que depende da iniciação para ser praticado razoavelmente, ficando na dependência de gestos técnicos executados corretamente, isto, para se ter sucesso. Como acontece no caso do arremesso, por exemplo.

Se o jogador não realizar adequadamente a técnica correta de execução, possivelmente não terá êxito, o seu arremesso não será convertido. É por esse motivo que nós professores de Educação Física temos que ensinar, ensinar e ensinar.

O objetivo precípuo da iniciação esportiva não deve ser o de “fazer campeões”, mas acima de tudo, dar oportunidade a todos os alunos indistintamente para aprender, desenvolver neles o gosto pela prática do mais completo dos esportes terrestre, e assim usufruir em toda a sua vida do manancial benéfico que proporciona a prática esportiva.