FIEP Brasil

Notícias

Traduzir   Contraste   A+

PAN, A Olimpíada das Américas

(Publicado em 18 de outubro de 2011)

Nesse 14 de outubro, em Guadalajara,no estádio Ominilife, teve a abertura da décima sexta edição do JOGOS DESPORTIVOS PANAMERICANOS. Foi uma festa de muito brilho, luzes e emoção certamente pelos seus participantes.

O Brasil com o seu verde, amarelo, azul e branco, descontraídamente foi destaque com a bandeira brasileira sendo conduzida pelo veterano mesatenista HUGO HOYAMA.

Expectativas de que o Brasil passe do seu quinto lugar no quadro geral de medalhas de PAN, superando a Argentina e, brigando com Cuba e Canadá pela colocação até o terceiro lugar no PAN 2011 (lembrando de que na edição 2007, no Rio, O Brasil ficou em terceiro lugar no quadro de medalhas) e segundo especialista, Estados Unidos continua o poderoso. A saber que o México, por ser sede, subirá mais vezes no pódio.

Amigos, voltamos com a nossa sexta coluna na FIEP BRASIL e como estamos vivendo os JOGOS DESPORTIVOS PANAMERICANOS, o nosso assunto será esse. Permitam. É o nosso retorno, após a exitosa cirurgia que fomos submetido, graças a DEUS. Aproveitamos para agradecer as manifestações recebidas e dizer que elas foram confortantes e a certeza de que o nosso DEUS tem desígnos ainda mais audaciosos para a nossa vida. Obrigado amigos da FIEP BRASIL e como fizemos extendemos a DEUS, nossa família, amigos e a equipe médica que fez o procedimento.

PAN é uma competição que iniciou no ano de 1951, em Buenos Aires e já na edição seguinte foi realizada no México, que com a edição 1975 e 2011, o México soma 3 sedes.

O PAN tem os moldes de uma Olimpíada, como são os Jogos de outros continentes. A beleza vista na noite de abertura, dá uma idéia deste grande evento, que chamamos da OLIMPÍADA DAS AMÉRICAS.

PAN RIO – Claro para falar em PAN, não poderia deixar de registrar a cobertura jornalística que fizemos na edição do Rio de Janeiro, 2007. Foi uma das melhores feitas internacionalmente. Tivemos credencial Panamericana, usando a estrutura do Centro de Imprensa e a acolhida inesquecível do nosso grande e eterno PROFESSOR MANOEL JOSÉ GOMES TUBINO, ex-presidente da FIEP MUNDIAL, que nos hospedou na sua residência em Copacabana ( TUBINÃO um assíduo assistente do PAN, inclusive fomos juntos com a sua família na solenidade de abertura no Maracanã e ele estava sempre em sua cadeira do papai, em seu aconchegante quarto, assistindo na TV e algumas informações ele passava para nós).

Nossa cobertura, coordenada pela QUILISPORT, foi para a Rede Santa-mariense de Comunicação Esportiva – RESCE (estréia) com as rádios Imembuí e Universidade, jornais A Cidade e Saúde Pela Prática e o nosso blog: www.saudepelapratica.blogspot.com

PAN 2011 – Era nossa intenção de fazer uma cobertura semelhante a do PAN DO RIO. Ir a Guadalajara, mas a burocracia mexicama de visto de passaporte em São Paulo e outros interesses pessoais, resolvemos fazer a cobertura pela INTERNET E NET. No entanto, fomos pegos de surpresa com a necessidade de fazer uma CIRURGIA DE CORAÇÃO.( a cirurgia aconteceu no dia dia 27 de setembro). Os planos mudaram. Pois a estrutura a ser montada seria grande e como não sabíamos do tempo de recuperação. Tínhamos que movimentar patrocinadores, apoiadores e o compromisso disso com os veículos que constituem a RESCE.

Pan Guadalajara 2011

No entanto, esse Deus é tão bom, que a nossa recuperação está sendo rápida e já estamos retornando, sem muito excesso, às atividades, principalmente no que consiste a escrita.

Decidimos fazer uma cobertura mais presente através do nosso blog: www.saudepelapratica.blogspot.com e boletins diários em nosso espaço SAUDE PELA PRATICA, na Rádio Imembuí. Assim como faremos matérias no nosso informe esportivo SAUDE PELA PRÁTICA.

BRASIL – Não temos dúvidas de que teremos uma grande participação, em termos de delegação já é grande, mais de quinhentas pessoas. Temos crescido em alguns esportes, mantido em alguns e para isso dinheiro tem tido.

Certamente que os nossos dirigentes da estrutura esportiva nacional sabem da responsabilidade do Brasil avançar em disputas internacionais (obtendo mais medalhas e gestão) pois eles tem a responsabildiade de sediar no Rio de Janeiro, a OLIMPIADA 2016.

GESTÃO ESPORTIVA – Aproveitamos para divulgar, por essa coluna, a realização dos 4º Congresso Brasileiro e o I Congresso Internacional sobre GESTÃO ESPORTIVA, uma realização da UNB, ABRAGESP e GESPORTE. Terá a nossa cobertura do Evento. Agradecemos ao Comitê Organizador que acolheu a presença de toda a nossa estrutura de COMUNICAÇÃO ESPORTIVA.

Até a próxima.